Direito Cidadão





14/10/2011
Mulher encontra rato em pacote de salgadinho em Santa Catarina. Criança de 5 anos, filho da denunciante, teria comido parte do conteúdo e reclamou do gosto com o irmão, que avisou a mãe





Mais uma denúncia envolvendo a empresa PepsiCo Brasil no Sul do país. Desta vez, o fato ocorreu em Joinville (SC) com a dona de casa Angela Maria Ziele, de 45 anos, que teria encontrado um rato morto dentro de um pacote de salgadinho da Elma Chips, na segunda-feira. De acordo com ela, seu filho de 5 anos comeu algumas unidades dos salgadinhos antes que ela notasse a presença do animal morto.

Angela contou que comprou o salgadinho a pedido do filho em um supermercado próximo de sua casa. "Ele abriu e começou a comer, aí meu filho mais velho foi pegar, sentiu um cheiro ruim e disse que estava estragado. Eu falei que não era impossível, mas quando fui olhar o pacote vi manchas pretas no salgadinho. Fui mexendo e encontrei o rato dentro do pacote", disse.

A PepsiCo Brasil, fabricante dos produtos Elma Chips, divulgou nota explicando que a consumidora, da cidade de Joinville, entrou em contato com a empresa por meio do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC). Na terça-feira (11), a Pepsico coletou uma amostra do produto Snack De Montão para análise, para averiguar se a reclamação procede e quais seriam as causas que levaram a essa contaminação do produto.



Buscar: 





Mais Notícias


'Sim' assume ligeira liderança em sondagem sobre referendo na Grécia

------------------

Empresa chinesa é acusada de punir quem engravida sem permissão

------------------

Ministro das Finanças da Grécia diz acreditar em acordo

------------------

Um terço da população mundial não tem acesso a água tratada, diz ONU

------------------

Bolsas da Ásia recuam; mercado chinês continua em forte queda

------------------

Estaleiro Mauá, RJ, fecha as portas por causa de questões financeiras

------------------

Zezé e Luciano lideram ranking de famosos em comercial de TV em 2015

------------------

Preços dos imóveis têm queda real de 4,45% no 1º semestre, diz FipeZap

------------------



Direito Cidadão © 2008 - Todos os direitos reservados
Site melhor visualizado com internet explorer 7.0 ou superior.